Vinhos Quinta de Covela

Meus caros,

Gama de vinhos Quinta de Covela, provados e lidos:

  1. Covela, Reserva Branco 2015 –> ver análise aqui
  2. Covela, Reserva Tinto 2007 –> ver análise aqui
  3. Covela, Edição Nacional, Reserva Avesso 2018 –> ver análise aqui
  4. Covela, Escolha Branco 2014 –> ver análise aqui
  5. Covela, Colheita Seleccionada Tinto 2004 –> ver análise aqui
  6. Covela, Edição Nacional, Avesso 2014 –> ver análise aqui

Sobre os vinhos Quinta de Covela…

A Quinta

“Num anfiteatro natural com exposição a Sul nas encostas do rio Douro, situado na fronteira entre a zona granítica da Região dos Vinhos Verdes e a região de xisto dos Vinhos do Porto, situa-se, desde o Século XVI, a Quinta de Covela.”

“Com vistas panorâmicas sobre o rio, a quinta tem 45 hectares, dos quais 18 plantados com vinha, distribuidos por duas freguesias do Baixo Douro, São Tomé de Covelas e Santa Cruz do Douro, reconhecidas pela sua extraordinária beleza natural e pela sua rica história cultural.”

Terroir

“No capítulo terroir – o conjunto das características geográficas, geológicas, climatológicas e humanas que define a qualidade das uvas produzidas num lugar específico – a Quinta de Covela foi francamente favorecida pela natureza.”

“A sua localização, na margem direita do Baixo Douro, a sua forma topográfica em anfiteatro exposto a sul, o seu microclima, quase mediterrânico, os seus solos graníticos e pobres que obrigam as raízes das vinhas a procurar água e minerais nas profundezas das terras, resultam em vinhos únicos, pela sua grande qualidade e pelo seu carácter distinto. Desde os anos 80, os vinhos Covela, lotes de castas portuguesas e internacionais, são sinónimos de inovação, qualidade e singularidade.”


Fonte: Quinta de Covela

Saúde,
Dr. Ribeiro

Categorias: Produtores

Prova

Posts Relacionados