Pedro Guilherme Andrade, Reserva Tinto 2016

Ilustres,

Este é daqueles que devemos ter por casa: Pedro Guilherme Andrade, Reserva Tinto 2016.

Existe tinto convence-nos em dois momentos. A primeira ideia que fazemos dele é, de uma figura calma e ponderada, mas que não abdica do traço distintivo. Esta mistura é para mim o factor X. Vê-mo-lo nesta colheita de 2016.

A segunda ilação que fica da prova deste vinho é, a sua capacidade de transmitir sinais encorajadores relativamente ao seu “crescimento”. O que vimos acontecer com a colheita de 2015, parece ser também possível com esta de 2016.

É um tinto que segura sem erros um comportamento pautado pela elegância e afinação, que não nos leva para lugares pesados e densos, nem com muita concentração, mas sempre capaz de nos dar manifestações da sua personalidade bairradina.

Impressiona no aroma, cativa, prende, tons terciários sedutores, de inicio alguma fruta passa, floral suave, alguma urze, depois aparece o chocolate, a tosta, a resina. Corpo macio, afinado, energia contida, polido, muito polido, equilibrado, calmo, mas ao mesmo tempo com identidade, com presença, com marca, com traço, amplitude boa, porte médio. Acidez em níveis médios, taninos bem presentes, ásperos, final bom.

Castas: 75% Baga e 25% Touriga Nacional

Ficha Técnica: http://pga.wine/images/PGA_VINHO_TINTO_FT_PT_C_2016.pdf

Vinhos Pedro Guilherme Andrade: http://pga.wine/

Saúde,
Dr. Ribeiro

Categorias: Pólvoras, Vinho Tinto

Prova

  • 7.5/10
    Aroma - 7.5/10
  • 7.3/10
    Corpo - 7.25/10
  • 7/10
    Acidez, Taninos, Final - 7/10
  • 7.3/10
    Análise Geral - 7.25/10
7.3/10

Suporte para avaliação

10 – Magnífico
9 – Excelente
8 – Muito Bom
7 – Acima da Média
6 – Bom
5 – Razoável
4 – Aceitável
3 – Básico
2 – Mau
1 – Muito Mau

Sending
User Review
0/10 (0 votes)

Posts Relacionados