Quinta de Lemos, Touriga Nacional 2008

Mais um que me confirma a ideia que tenho dos tintos Quinta de Lemos, mais um que me comprova que para eles parecer se confortável terem no mercado qualquer tinto da sua gama, qualquer um, com 10 anos em cima, no mínimo.

Mas é preciso separar essa raridade que é ver todo um portefólio apostar em vinhos com idade, o que por si só já é admirável, com o facto de se poder pensar que todos eles vão ser vinhos especiais. Não funciona assim.

De facto este portefólio faz uma aposta incomum na idade e tem uma consistência que é muito pouco questionável, mas esta noção precisa de um balanceamento da nossa parte, nem sempre vamos ver neles os vinhos das nossas vidas, fazem uma boa figura, fazem coisas acima da média, mas nem sempre são os vinhos do nosso ano, ou até do nosso mês.

Foi o caso.

Aroma mais fresco da Touriga Nacional já inexistente, alguma parte herbácea mas muito leve, conjunto maioritariamente terroso, fumado, resina e algum balsâmico. Corpo amplo, centro médio, expressividade boa, algum ímpeto ainda, rugosidade periférica acentuada, equilíbrio conseguido, alguma firmeza em boca, vinho longo, harmonia afectada pela diferença da ponta final para com a estrutura em boca. Acidez boa, taninos melhores, final longo, esta é a melhor fase deste vinho.


Castas: Touriga Nacional

Ficha Técnica 2008: Indisponível

Vinhos Quinta de Lemos: quintadelemos.com


Saúde,
Dr. Ribeiro

Categorias: Pólvoras, Vinho Tinto

Prova

  • 7.3/10
    - 7.25/10
  • 7/10
    - 7/10
  • 7.5/10
    - 7.5/10
  • 7.3/10
    - 7.25/10
7.3/10

Suporte para avaliação

10 – Magnífico
9 – Excelente
8 – Muito Bom
7 – Acima da Média
6 – Bom
5 – Razoável
4 – Aceitável
3 – Básico

Sending
User Review
0/10 (0 votes)

Posts Relacionados